QUEM SOMOS

O Observatório da População Negra, da Universidade Zumbi os Palmares – UZP, pressupõe uma perspectiva de estudo e análise multidisciplinar.  Assim, possui  como objetivo geral a produção de  conhecimento com base científica sobre as mais diversas problemáticas enfrentadas pela população negra brasileira. Para tal, pretende intensificar relacionamentos com instituições conceituadas de Ensino Superior e Pesquisa, por meio da realização de estudos cooperativos apoiados  através   de equipes e/ou financeiramente.

 

Acredita-se que ao congregar esforços conjuntos de ações voltadas para a investigação (docentes; pesquisadores, estudantes, universidades, instituições públicas e privadas, associações de bairro; população negra; movimentos sociedade civil  e defensores de direitos humanos, dentre outros ) os resultados potencializarão a promoção da UZP como um centro acadêmico de excelência nos estudos do Negro(a) no Brasil.

O Observatório do Negro é constituído no objetivo de promover o monitoramento da equidade racial no Brasil, por meio da comparação entre a representatividade da população negra no total da população brasileira  em todos os âmbitos da esfera pública. Isto é, sua relação a escolaridade, renda, acesso a bens de consumo, condições de saúde, habitação etc Este espaço pretende dar visibilidade  às realizações da população brasileira negra nos últimos anos priorizando os feitos acadêmicos e a ascensão socioeconômica, desta visão micro, prevendo as mudanças macro na sociedade.

O Observatório tem como base as informações produzidas nos dois compêndios supramencionados, que deverão ser permanentemente atualizadas, além da avaliação da legislação e das políticas de promoção da igualdade racial, passando por: 

i) a verificação da adequação do desenho das políticas de promoção da igualdade racial, 

ii) a verificação da implementação e execução das políticas de igualdade racial,

iii) o conhecimento dos argumentos contrários, das ações judiciais propostas em desfavor da legislação de igualdade racial e seus julgados nos tribunais;

iv) a reunião de estudos e análises que buscam verificar os impactos das políticas, isto é, se elas estão alcançando os resultados esperados.